UE adopta novas sanções por anexação da Crimeia

O ministro eslovaco das Finanças, Peter Kazimir (E), e o presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselbloem, em Bruxelas, no dia 8 de Novembro de 2016 (Afp)

A União Europeia aprovou nesta terça-feira a imposição de novas sanções contra várias pessoas acusadas de violar a soberania da Ucrânia por suas actividades na Crimeia, região anexada pela Rússia em Março de 2014, informou uma fonte oficial.

Os 28 países do bloco “adoptaram uma nova lista de nomes afectados por medidas restritivas relativas às acções executadas contra a integridade territorial, a soberania e a independência da Ucrânia”, declarou o ministro eslovaco das Finanças, Peter Kazimir.

Kazimir, cujo país exerce a presidência pro-tempore da UE, fez o anúncio ao fim da reunião de ministros europeus das Finanças em Bruxelas. O jornal oficial da UE publicará na quarta-feira a identidade das pessoas sancionadas, segundo várias fontes europeias. (Afp)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA