PRS marca congresso para Março de 2017

Eduardo Kuangana e Sapalo António são os candidatos assumidos à liderança partidária (Foto: Pedro Nicodemos)

O Comité Político Nacional do PRS decidiu marcar o congresso ordinário, que antecede às eleições de 2017, para o mês de Março próximo ano. A decisão foi tomada durante uma reunião dos seus membros realizada no último fim-de-semana na sua sede no município de Viana, em Luanda, segundo revelou a OPAÍS o seu secretário- geral, Benedito Daniel.

Após várias indecisões e acusações entre as figuras de proa deste partido que acusavam o actual presidente, Eduardo Kuangana, de impedir a realização do conclave para se perpetuar na liderança partidária, a fonte declarou ter sido encontrada finalmente uma data consensual para que o congresso tenha lugar.

Durante os dois dias do encontro, realizado com a ausência de Eduardo Kuangana, por alegadas razões de saúde, segundo apurou O PAÍS, os debates andaram à volta da vida interna do partido, do congresso e das eleições de 2017.

A ocasião , os membros do partido, em Viana, criaram uma comissão de preparação do conclave, que “já trabalha para o êxito das tarefas imprescindíveis a realização do congresso”, tal como adiantou Benedito Daniel. “Desde Sexta-feira temos 90 dias para assegurar as condições para a realização do congresso.

Neste período terão que ser criadas todas as condições para que até Março tudo esteja a postos” disse.

Quanto à falta de dinheiro, alegada anteriormente como estando na base de sucessivos adiamentos do congresso, Benedito Daniel não adiantou garantias concretas mas afirmou que, de algum tempo a esta parte, tem havido um apelo à massa militante e que esta tem estado a dar sinais positivos neste sentido , existindo já condições para se avançar. (OPAIS)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA