Paris abre centro para migrantes e refugiados

Um centro humanitário para migrantes e refugiados com capacidade para 400 pessoas foi inaugurado nesta quinta-feira, no norte de Paris, como parte das medidas tomadas pelas autoridades para evitar a formação de acampamentos improvisados nas ruas (Afp)

Um centro humanitário para migrantes e refugiados com capacidade para 400 pessoas foi inaugurado nesta quinta-feira, no norte de Paris, como parte das medidas tomadas pelas autoridades para evitar a formação de acampamentos improvisados nas ruas.

O centro instalado numa antiga estação ferroviária acolherá por dia de 50 a 80 pessoas, o que corresponde ao número migrantes que chegam diariamente a Paris.

Destinado apenas para homens, o centro acolherá por cinco a dez dias os migrantes e depois os encaminhará para outros lugares, de acordo com sua situação pessoal.

Lá, os migrantes receberão informações sobre seus direitos e como proceder para obter asilo, assim como orientações caso queiram voltar voluntariamente para casa.

Um segundo estabelecimento destinado a mulheres e famílias com filhos será inaugurado no início de 2017 na periferia sudeste da capital.

A Europa vive sua pior crise migratória desde a Segunda Guerra Mundial, com a chegada de 1,5 milhão de migrantes que cruzaram o Mediterrâneo desde 2014, fugindo da guerra e da pobreza. (Afp)

DEIXE UMA RESPOSTA