Opositores agredidos no Zimbábue antes de protesto contra Mugabe

O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, em Harare, no dia 6 de outubro de 2016 (Afp)

Seis activistas opositores foram sequestrados e agredidos por desconhecidos nesta sexta-feira antes de uma manifestação de protestos em Harare contra o governo do presidente Robert Mugabe, indicou um dos líderes da oposição.

Os militantes foram sequestrados e os carros de dois deles incendiados, segundo Sylvanos Mudzvova, membro do movimento Tajamuka (Estamos agitados), na liderança dos protestos contra Mugabe.

Três sequestrados foram liberados depois de serem espancados e, em seguida, hospitalizados. Os outros três seguem desaparecidos.

Apesar de seus 92 anos, Mugabe espera ser outra vez candidato à presidência em 2018 do país, que está mergulhado numa grave crise económica, com um desemprego de 90% da população, falta de liquidez e corrupção generalizada. (Afp)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA