Ministro apoia continuidade na abertura de polos industriais no país

Abraão Gourgel, Ministro da Economia. (Foto: Francisco Miudo)

O ministro da Economia, Abraão Gougel incentivou (hoje) a continuidade de criação e/ou construção de polos industriais a nível de todo o país, com vista a fortalecer o sector industrial, bem como diversificar a economia nacional.

Abraão Gourgel, que falava num encontro de auscultação aos empresários da província do Bié, considerou imprescindível a implementação dos polos industriais, com vista a alavancar a economia nacional e consequentemente a criação de mais postos de emprego.

“Para o Executivo, os polos industriais são de facto elementos-chaves por viabilizarem a instalação de novas industriais. No caso da província do Bié, por exemplo, por ser eminentemente agrícola carece de fábricas de transformação de produtos”, enfatizou.

Relativamente ao polo industrial do Cunje (Bié), a sete quilómetros a Norte da cidade do Cuito, o governante explicou que o projecto se encontra paralisado por falta de financiamento, tendo em conta a actual situação economia que o país atravessa, face a queda do preço do crude no mercado internacional.

A Angop apurou que mil e oitenta e três hectares de área foram desminados para a implementação do polo industrial do Cunje, de um total de mil e 800. No mesmo faram projectadas a instalação de 40 unidades fabris, ligadas a diversos sectores, num investimento de mais de 25 milhões de dólares norte-americanos. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA