Gâmbia: eleições presidenciais sem suspense

(Afp)

Pela primeira vez na história da Gâmbia, sete partidos apoiam o candidato da oposição Adama Barrow, que com Mama Kandeh antigo deputado do partido no poder e o Presidente Yahya Jammeh (no poder desde 1994) disputam as eleições presidenciais desta quinta-feira.

O politólogo guineense Rui Jorge admite que este cenário não deverá impedir a reeleição de Jammeh, mas “pode influenciar mais abertura, tendo em conta que a nível da África Ocidental, a Gâmbia é o único país que não abriu à democracia…o Presidente mantém o braço de ferro e proíbe qualquer liberdade aos cidadãos…acho que a oposição continua a acreditar que ainda é possível duma forma pacífica afastar o Presidente Yahya Jammeh e dar ao país uma nova oportunidade, com novas lideranças”. (Afp)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA