Descubra porque nunca deve lavar o frango cru

(Getty Images)

Eu cresci ajudando minha mãe na cozinha e sempre a vi lavar o frango na pia antes de temperar e cozinhar. Até a Julia Child achava que deveríamos fazer isso! Nunca questionei a prática, apenas a adoptei quando me tornei adulta.

Mas ao que parece, lavar sua ave com água da torneira não é apenas anti-higiénico – em alguns casos pode ser fatal.

As gotas de água que entram em contacto com a carne crua podem se espalhar por toda a pia, torneiras e objectos nas proximidades. O pensamento de espalhar água de frango cru pela cozinha já é nojento por si só, mas a parte assustadora é que você provavelmente está espalhando bactérias nocivas, que podem causar intoxicação alimentar.

O frango que compramos, pode ter duas bactérias perigosas em seu estado cru: uma delas se chama campylobacter, enquanto a outra é a salmonela, que já é bem mais conhecida. A água, seja quente ou fria, não matará essas bactérias, então não importa como você lave o frango, tudo que você está fazendo é aumentando as chances de espalhá-las pela sua cozinha.

A infecção por campylobacter pode causar dores abdominais severas, com diarreia, febre e vómitos. Geralmente, os sintomas costumam durar até 10 dias e a maioria das pessoas se recuperam sem tratamento, mas no caso de crianças e adultos com o sistema imunológico comprometido, a condição pode ser fatal.

A salmonela tem sintomas muito semelhantes, causando diarreia, febre e cólicas que costumam durar de 12 a 27 dias após a infecção. Em alguns casos, a salmonela também pode matar.

Todos os anos, estima-se que aproximadamente 4 milhões de canadenses (1 em 8) são afectados por alguma doença de origem alimentar, entre as quais a salmonela e o campylobacter são responsáveis por 38 por cento das hospitalizações.

Mesmo que você compre aves criadas apenas com alimentos orgânicos, elas ainda podem conter bactérias nocivas, então certifique-se de tomar todas as precauções possíveis.

Ficou assustado? Calma! Todos os tipos de alimentos oferecem algum risco. Contanto que você siga as práticas recomendadas, sempre terá refeições saborosas e saudáveis.

Certifique-se sempre de que o frango esteja totalmente preparado antes de consumir, sem partes rosadas. Se você tiver um termômetro de carne, use para verificar a temperatura interna do seu frango. A partir de 73 graus a carne está segura para consumo. Cozinhar bastante é a melhor – e única – maneira de remover as bactérias prejudiciais.

Tenha cuidado na hora de lavar os utensílios de cozinha que entraram em contato com o frango cru, evitando a propagação de bactérias.

Se você não conseguir deixar de fazer algum tipo de limpeza no frango antes de cozinhar, o FDA, órgão de saúde americano, recomenda passar uma toalha de papel e jogá-la fora imediatamente. (Yahoo)

Fiquem bem, amigos!

Sarah Rohoman

Yahoo Canada Style

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA