Cuanza Norte: INAC regista redução de crianças nas ruas

Cuanza Norte:DIRECTORA PROVINCIAL DO INAC, ANGÊLICA KUDIONGINA (Foto: Eliseu Veloso)

A directora do Instituto Nacional da Criança (INAC) no Cuanza Norte, Angélica André Kudiongina, disse hoje, em Ndalatando, haver uma redução significativa do número de crianças pedintes e vendedores ambulantes nas ruas da região, o que satisfaz as autoridades governamentais.

Em declarações à Angop, a responsável referiu que tal é fruto do reforço das acções de sensibilização levadas a cabo pela instituição em parceria com os activistas sociais da direcção provincial de Assistência e Reinserção Social, dirigido aos menores e suas famílias visando desencorajar tais práticas e apelar para uma maior responsabilidade paternal e cuidado dos petizes.

Angélica Kudiongina reiterou ainda o engajamento do governo da província na materialização dos 11 compromissos da criança, através da criação de condições que visam dignificar a vida dos petizes, como a construção de escolas, creches, centros de saúde, sistemas fornecimento de água potável e locais de lazer.

Considerou que a protecção com as crianças, deve ser uma tarefa da sociedade, para que as mesmas cresçam com saúde e possam contribuir para o bem-estar do país quando forem adultos. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA