Argentina extradita traficante colombiano para os EUA

O traficante Henry Londoño, em um tribunal de Buenos Aires (Afp)

O colombiano Henry Jesús López Londoño, conhecido como “Mi Sangre”, foi extraditado em uma operação secreta nesta quinta-feira para os Estados Unidos, onde enfrenta acusações de narcotráfico, informou uma fonte policial.

Londoño foi transferido de helicóptero ao aeroporto internacional da prisão de Ezeiza, 30 km ao sul de Buenos Aires, onde embarcou em um avião privado rumo aos Estado Unidos às 07H22 (8H22 de Brasília). (Afp)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA