Andebol: Apesar das dificuldades o campeonato será um sucesso – Pedro Godinho

Pedro Godinho - Presidente da Federação Angolana de Andebol (Foto: Alberto Julião)

O presidente da Federação Angolana de Andebol (FAAND), Pedro Godinho, disse segunda-feira em Luanda, que apesar da situação financeira que o país vive, o Campeonato Africano sénior feminino, a decorrer de 28 de Novembro a 7 de Dezembro, será um sucesso.

O dirigente falava a imprensa no final da apresentação informal aos empresários, sobre o andamento da preparação da prova continental. Informou que, além da verba dada pelo Estado e a classe empresarial, as questões ligadas ao alojamento, transporte e alimentação estão garantidas e que de modo geral faltam cerca de 20 por cento para concluir o dossier do campeonato.

“Por pouco havia a desistência de Angola na organização da prova, mas fruto do apoio que recebemos de alguns empresários conseguimos avançar e estamos a 80 por cento de concluir os preparativos”, salientou.

Pedro Godinho disse que o comité executivo da prova ainda está aberto a proposta de empresas que queiram juntar-se a organização. “Ainda precisamos de 24 milhões de Kwanzas”, acrescentou.

Explicou que qualquer empresa que queira apoiar com trocas de serviços directa pode se manifestar, tendo como contrapartida publicidade na competição.

Nove equipas vão disputar a prova sob a égide da CAHB, divididas em dois grupos. Angola, Camarões, Senegal e Cote de Ivoire constituem o grupo A, ao passo que as formações da Tunísia, Argélia, Congo e Guiné Conacry formam o grupo B.

Angola e Cote d’Ivoire vão jogar na abertura da competição, cuja Tunisia é a campeã em título. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA