Trump diz que evitar impostos é “esperteza”; maioria de norte-americanos chama de “antipatriótico”

Trump durante campanha em Prescott Valley (REUTERS/Mike Segar)

O candidato republicano a presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse que evitar pagar imposto de renda o faz “esperto”. Enquanto quase metade dos norte-americanos concorda com ele, mais pessoas acham que é “egoísmo” e “antipatriótico”, de acordo com pesquisa de opinião Reuters/Ipsos divulgada nesta terça-feira.

Cerca de 67 por cento dos norte-americanos afirmaram que é “egoísmo” um candidato a presidente não pagar impostos, enquanto 61 cento afirmaram que é “antipatriótico”, segundo a pesquisa, que permitiu que os entrevistados escolhessem mais de um adjectivo para descrever o não pagamento de impostos.

Ao mesmo tempo, os resultados mostraram um respeito relutante por um candidato que pode descobrir como reduzir a carga de impostos. Cerca de 46 por cento de norte-americanos, incluindo 35 por cento de democratas e 62 por cento de republicanos, acharam que um candidato que consegue não pagar impostos é “esperto”.

Os impostos de Trump se tornaram um grande tema da campanha depois que o New York Times divulgou parte do seu imposto de renda de 1995 na semana passada e estimou que Trump provavelmente não pagou impostos por vários anos. O empresário celebridade do sector imobiliário, que é o primeiro candidato em décadas a se recusar a divulgar o seu imposto de renda, não negou a reportagem. Mais tarde, ele disse que tinha “usado brilhantemente” o sistema fiscal norte-americano a seu favor.

Durante o primeiro debate presidencial norte-americano com Hillary Clinton, a sua rival democrata, no mês passado, Trump, ao responder às acusações dela sobre não pagar impostos federais, disse que isso o faria “esperto”.

“O que ele está tentando dizer, que nós que pagamos impostos não somos inteligentes?”, indagou a entrevistada pela pesquisa Yonna McNerney, de 41 anos, de Denver.

Mãe de três filhos e funcionária de uma empresa de telecomunicações, ela disse que era inaceitável que alguém que quer ser presidente não pague impostos. Ela não tem candidato, e os comentários de Trump não mudaram a sua visão.

April St. Aoro, 46 anos, de Minnesota, se mostrava mais compreensiva com Trump, embora ela também permaneça indecisa.

“Eu acho que todos nós tentamos pagar o menor valor possível de impostos”, afirmou.

Os entrevistados foram levemente menos críticos quando perguntados sobre um cidadão comum que não paga impostos.

Cerca de 64 por cento afirmaram que era “egoísmo”, enquanto pouco mais da metade qualificou como “antipatriótico”. Cerca de 50 por cento, incluindo 37 por cento de democratas e 67 por cento de republicanos, concordaram que era “esperto”.

A pesquisa Reuters/Ipsos foi realizada online, em inglês, em todos os 50 Estados. Os entrevistados foram perguntados sobre o que pensavam de um “cidadão que encontrava um caminho para não pagar impostos” e receberam as opções “antipatriótico”, “egoísmo” e “esperto”.

Eles responderam então a mesma pergunta em relação a um candidato a presidente.

A pesquisa realizada de 28 de Setembro a 3 de Outubro ouviu 1.948 norte-americanos adultos, incluindo 893 democratas e 635 republicanos. Ela tem um intervalo de credibilidade, uma medida de precisão, de três pontos percentuais no geral, quatro pontos para os democratas, e cinco para os republicanos. (Reuters)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA