Rajoy elogia decisão do PSOE: é “muito razoável”

Mariano Rajoy, primeiro-ministro de Espanha. (Tvi24)

Presidente do governo de gestão espanhol elogiou a decisão do PSOE de se abster na sua investidura para chefiar um novo executivo, pondo fim a 10 meses de impasse político.

O presidente do governo de gestão espanhol, Mariano Rajoy, qualificou hoje em Madrid de “muito razoável” a decisão tomada no domingo pelo Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE) de se abster na sua investidura para chefiar um novo executivo, pondo fim a 10 meses de impasse político.

O Comité Federal do PSOE decidiu por 139 votos a favor e 96 contra a abstenção do a uma nova candidatura à chefia do Governo de Mariano Rajoy.

Mariano Rajoy, que também é líder do PP (Partido Popular, direita), defendeu que Espanha tem “um grande futuro” se houver “vontade” de todas as partes.

Rajoy aceitou negociar com o PSOE, depois de ter lido a resolução aprovada pelo Comité Federal.

Há coisas que são boas, sobre as quais se pode falar”.

Segundo o El País, o documento defende celeridade numa reforma laboral, o diálogo sobre o presente e futuro das pensões e um pacto de Estado em matéria educativa. Reformas jurídicas para melhorar o “modelo territorial e o seu financiamento” e o combate à corrupção também estão nos planos dos socialistas espanhóis.

Em declarações proferidas esta segunda-feira de manhã, o presidente do Governo não quis alongar-se e remeteu mais detalhes para o debate da investidura. (Tvi24)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA