Namibe: Membros do governo reunidos na sua V sessão ordinária

Namibe: Rui Falcao - Governador provincial (Foto: Frederico Herculano)

Membros do governo da província do Namibe reuniram quinta-feira, nesta cidade, na sua quinta sessão ordinária de análise à situação socioeconómico e política da província.

Durante a sessão, os membros do governo tomaram conhecimento obre o andamento do processo de Registo Eleitoral na província, tendo considerado positivo o nível de organização e desenvolvimento.

Neste processo, os membros foram informados que na província já foram atualizados 65 mil 274 atualizações dos dados dos cidadãos.

Na referida, os membros foram igualmente informados sobre a situação das doenças negligenciadas, num quadro epidemiológico marcado pelas doenças respiratórias e diarreicas agudas, parasitose intestinal, conjuntivite, tuberculose e VIH/SIDA, onde a malaria continua a ser a principal patologia que dá entrada nas unidades hospitalares da província.

Para maior controlo do estado sanitário da província, os membros apelaram ao reforço dos níveis de vigilância epidemiológica, bem como ao fortalecimento das campanhas de sensibilização com a criação de programas de educação para a saúde ao nível das creches, escolas e de todas as comunidades.

Em relação ao sector da cultua, foi recomendado a continuidade do trabalho de investigação do Património Histórico-cultural da província e o processo de inscrição da estação rupestre do Tchitundu-Hulu à categoria de património mundial.

A V sessão ordinária do governo do Namibe apreciou ainda o memorando da direcção provincial das Obras Publicas que controla 73 obras de âmbito provincial e 16 de central, no quadro do programa de investimento publico, com destaque para a construção da Academia das Pescas e Ciências do Mar, projecto de construção de uma estação de Tratamento de água e uma de tratamento de águas residuais no município de Moçâmedes, construção de 3 estradas estruturantes e a construção do Porto Pesqueiro do Tômbwa.

Nesta sessão foi ainda avaliada o relatório da execução financeira do terceiro trimestre e apresentado o plano de actividades referente ao ano de 2017, o projecto de reabilitação e expansão dos sistemas de abastecimento de agua as sedes municipais , entre outros assuntos.

As Lei 13/16 de 12 de Setembro ( Lei d Bases da Organização Administrativa do Território, Lei nº 14 /16 de 12 de Setembro ( Lei de Bases da Toponímia, Lei nª 15/16 de 12 de Setembro ( Lei da Organização e funcionamento dos órgãos da Administração local do Estado foram também discutidos neste encontro. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA