Ministra reafirmada necessidade de empoderamento das mulheres

Filomena Delgado - Ministra da Família e Promoção da Mulher (Foto: Gaspar dos Santos)

A ministra da Família e Promoção da Mulher, Filomena Delgado, reafirmou esta sexta-feira, em Malanje, a necessidade do empoderamento das mulheres, sobretudo as do meio rural, enquanto indispensáveis participem do processo de desenvolvimento das comunidades, com vista a melhoria das condições de vida e promoção do bem-estar social.

De acordo com a titular da pasta, que falava na abertura do IX Fórum Nacional da Mulher Rural, que decorre em Malanje, sob o lema “Reforcemos o Papel da Mulher Rural para os Desafios da Diversificação da Economia”, neste sentido, urge dialogar com as mulheres para aferir as principais dificuldades que as mesmas enfrentam e, a partir daí, encontrar mecanismos para solucioná-los.

Referiu que as mulheres são as catalisadoras do progresso das comunidades, pelo que não podem descurar a importância de elevarem o seu nível de formação técnico-profissional, ampliando deste modo as suas competências para o aumento da produção e, consequentemente, contribuir para alocação de receitas para as respectivas famílias.

Por outro lado, Filomena Delgado enalteceu os esforços do Executivo angolano em prol do desenvolvimento desta franja social, consubstanciados na criação de políticas para o efeito, com destaque para a aproximação dos distintos serviços sociais básicos nas comunidades, tendentes à melhoria das condições de vida deste importante segmento social.

Com duração de um dia, o IX Fórum Nacional da Mulher Rural, visa promover o empoderamento económico da mulher rural e de suas famílias, passar em revista os principais projectos e programas sectoriais, que concorrem para a concretização das recomendações saídas em 2014 com incidência ao combate à pobreza.

O encontro tem ainda por finalidade, apresentar as perspectivas do sector para o biénio 2017/2018, analisar os constrangimentos e oportunidade para o empoderamento da mulher rural no quadro do processo de diversificação da economia nacional, entre outras.

Participam do encontro, o governador provincial, Norberto dos Santos “Kwata Kanawa”, a secretária de Estado da Família e Promoção da Mulher, Victória Francisca da Conceição, deputados á Assembleia Nacional, membros de partidos políticos, vice-governadores provinciais para o sector politico e social, directores provinciais e representantes da ONU em Angola. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA