Ministério do Urbanismo incentiva a auto construção dirigida

Loteamento de terras para auto construção dirigida (Foto: António Escrivão)

O Ministério do Urbanismo e Habitação continua a intervir em reservas fundiárias com execução de projectos de infraestruturas integradas que vão permitir, após a conclusão das infraestruturas, incentivar a auto construção dirigida e o investimento privado para a construção de habitações e equipamentos sociais.

O facto foi anunciado em Luanda pela titular da pasta, Branca do Espírito Santo, que falava ao jornal de Angola para avaliar a execução das infraestruturas integradas a nível nacional, tendo referido que a acção visa colocar um número maior de terrenos infraestruturados e aumentar a oferta de habitações para comercialização.

Ressaltou o projecto de infraestruturas integradas na reserva fundiária da Catapa, na província do Uíge, projecto de infraestruturas integradas na reserva fundiária da Quiçama, na província de Luanda, projecto de infraestruturas integradas na reserva fundiária das Mabubas, na província do Bengo, projecto de infraestruturas integradas na reserva fundiária Benguela Sul, na província de Benguela, projecto de infraestruturas integradas na reserva fundiária do Mungo, e na província do Huambo;

Constam igualmente dos referidos projectos, o de infraestruturas integradas na reserva fundiária do Missombo, na província do Cuando Cubango, e o projecto de infraestruturas integradas na reserva fundiária do Chitato, na província da Lunda Norte.

Fez saber que para a avaliação global, contribui ainda a execução de alguns estudos e projectos de planos urbanísticos e de infraestruturas integradas, tendo neste capítulo sido cumpridas as metas e objectivos preconizados.

Considerou que a avaliação é positiva, visto que todas as províncias foram contempladas. No caso de Luanda, também foram elaborados estudos e projectos para a reconversão urbana de grande parte dos bairros, podendo citar como exemplos, os bairros Rangel, Prenda, Catambor, Marçal, Vila Alice, Palanca, Morro Bento, bairro Militar, Kilamba Kiaxi, Cacuaco e Benfica. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA