Huambo: ENANA aborda perigos da segurança operacional

Aeroporto da Cidade do Huambo (Foto: Francisco Miúdo)

O reflexo e a confusão de luzes nos aeroportos, aliadas as condições meteorológicas, falhas e defeitos na sinalização, instalação de equipamento e construção de infra-estruturas constituem, entre outros, os principais perigos da segurança operacional das aeronaves.

O facto foi expresso hoje pelo director técnico da Rede de Aeroportos Provinciais da Empresa Nacional de Exploração e Navegação Aérea (ENANA-E.P), Herasmo Domingos, quando abordava o tema sobre “Riscos Associados a edificação de moradias nas proximidades dos aeroportos”, inserida no workshop sobre Segurança da Aviação Civil.

O responsável explicou que entre os perigos da segurança operacional constam também, os obstáculos, derrames, o coeficiente de átrio, a presença de aves e mamíferos, interferências com ajudas à navegação e outras que podem causar acidentes entre aeronaves, com veículos, com meios e equipamentos, assim como animais.

Assim sendo, prosseguiu, a execução de uma obra no recito aeroportuário deve estar sinalizada, ao passo que, quer os obstáculos, quer as infra-estruturas como tal, devem ser reportados aos órgãos competentes em caso de não estarem legalizados e sempre que possível, retirá-los do perímetro.

Herasmo Domingos esclareceu que os aeródromos são construídos para serem usados efectivamente e utilizados na sua plenitude, prevendo, deste modo, o seu crescimento, objectivo que pode estar comprometido devido a má utilização dos terrenos a volta dos aeroportos.

Explicou que as servidões constituem espaços aéreos em volta do aeródromo que devem ser mantidos livres de obstáculos, de modo que as operações de aterragem e descolagem possam ser realizadas com um nível adequado de segurança, eficiência e regularidade, bem como assegurar a protecção de pessoas e bens à superfície.

Entretanto, lembrou que a responsabilidade pela segurança dos aeroportos pertence a todo cidadão, pois a sua garantia implica o compromisso e a participação de toda sociedade. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA