Crivella e Freixo disputam segundo turno no Rio

Marcelo Freixo, do PSOL, vota no Rio, em 2 de outubro de 2016 (Afp)

A prefeitura do Rio de Janeiro será disputada no segundo turno entre o candidato do PRB, senador Marcelo Crivella, de 58, e o do PSOL, Marcelo Freixo, de 49 – de acordo com números oficiais após a apuração de 100% dos votos na eleição deste domingo (2).

Crivella obteve 27,78% contra 18,26% de Freixo, informou o Tribunal Superior Eleitoral.

O segundo turno será em 30 de outubro.

Nas últimas pesquisas, Freixo aparecia empatado com outros três candidatos, entre eles Jandira Feghali (PCdoB).

Jandira ficou em sétimo lugar, com 3,34% dos votos, atrás do herdeiro político do prefeito Eduardo Paes, o peemedebista Pedro Paulo, que conseguiu 16,11%, e de Flávio Bolsonaro (13,97%), do PSC, de ultradireita.

“Derrotamos o PMDB em homenagem à democracia brasileira. É a resposta a um partido golpista. É uma vitória para a história do Rio de Janeiro”, declarou Freixo, em um comício à noite, diante de uma multidão de simpatizantes que gritavam “Fora, Temer!”.

Em entrevista coletiva, Crivella convocou a formação de uma “ampla aliança” para o segundo turno.

O PSOL foi formado por um grupo de dirigentes excluídos em 2003 do PT por denunciar as políticas adotadas por Lula para amenizar o temor dos mercados diante da chegada de um líder sindicalista histórico ao poder. (Afp)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA