Como vão ser os novos MacBook da Apple? O teclado terá uma barra tátil personalizável

(Observador)

A apresentação de outubro da Apple foi dedicada ao novo MacBook Pro que recebeu uma nova funcionalidade: a Touch Bar. A Apple TV também teve algumas novidades apresentadas esta quinta-feira.

A Apple apresentou esta quinta feira os seus novos modelos do MacBook Pro. O grande destaque vai para a Touch Bar personalizável, que surge agora nos computadores da marca para facilitar e revolucionar a interação entre o utilizador e a máquina. A barra tátil vai servir para substituir as teclas de comando (linha superior dos teclados Apple) e permitir novas e variadas funções, conforme o utilizador.

Esta não foi a única novidade apresentada na Keynote da Apple, que aconteceu em Town Hall, Cupertino. A Apple TV esteve também nas luzes da ribalta graças à aplicação TV, que estará disponível em todos os dispositivos móveis e permitirá ver a televisão da marca da maçã no iPad, iPhone, i… etc.
MacBook Pro

Mostrando um vídeo que percorreu toda a história dos portáteis criados pela marca, foi assim que apareceu a imagem do novo MacBook Pro. Afinal, passaram 25 anos desde que a empresa lançou o primeiro Powerbook e a evolução é mais que notória.

Neste novo modelo apresentado, o MacBook Pro mantêm a construção em alumínio, mas os novos portáteis são mais finos e mais leves que os antecessores. O trackpad sofreu um aumento de tamanho e agora inclui a tecnologia Force Touch – funcionalidades que são ativadas através de uma determinada pressão – para oferecer mais funcionalidades ao utilizador.

Claro que o maior destaque neste novo modelo foi o ecrã retina, com tecnologia pronta para o multi-touch, que está incluído acima do teclado, a Touch Bar. Esta nova barra vai permitir uma interação completamente diferente daquilo a que o utilizador está habituado e ainda é possível personalizar os atalhos.

Com a capacidade de se ajustar ao conteúdo que estiver a ser utilizado, a Touch Bar adapta-se e apresenta novos atalhos que podem facilitar a utilização de cada aplicação, ou mesmo, da introdução de texto, uma vez que esta nova funcionalidade inclui a sugestão de palavras que já existe nos dispositivos móveis da Apple. No canto superior direito, e incluído na barra, existe também um leitor de impressões digitais para a autenticação do utilizador em diversos serviços e mesmo para entrar na conta pessoal do computador.

No geral, o novo modelo está equipado com um ecrã retina 67% mais brilhante e com mais contraste que o modelo anterior, assim como traz consigo um processador Intel Core i7 (existindo também uma versão mais modesta equipada com um processador i5), proporcionando um desempenho superior quando comparado aos restantes modelos da linha MackBook.

Com a nova versão do MacBook Pro passam a existir três possíveis escolhas. Uma de 13 polegadas sem a nova Touch Bar, uma com 13 polegadas com a Touch Bar e ainda uma de 15 polegadas também com a Touch Bar. Os preços começam nos 1.499 dólares nos EUA para a versão mais simples.

Apple TV

Com a frase “o futuro da televisão são as aplicações”, Tim Cook deu inícios às novidades da Apple TV.

O objetivo principal da empresa foi criar uma “experiência unificada de TV” através da introdução de uma nova aplicação com um nome tão simples como “TV“. A aplicação será o centro de pesquisa da Apple TV e consegue recolher informação sobre séries e filmes do interesse do utilizador e de qualquer aplicação disponível na loja dedicada ao dispositivo da Apple. Dentro da aplicação existem também sugestões relacionadas com os gostos de quem utiliza o dispositivo.

Depois de escolher o conteúdo que pretende visualizar é só selecionar e o programa começa automaticamente a reproduzir. Para criar uma experiência unificada, a aplicação estará também disponível nos restantes dispositivos da empresa, o iPad e o iPhone, com a capacidade de reproduzir os conteúdos a partir do momento em que estes foram interrompidas na televisão.

Para oferecer algo mais aos utilizadores, o famoso jogo Minecraft estará disponível para a Apple TV, possibilitando aos jogadores um divertimento extra através da televisão da empresa de Cupertino.

Todas as alterações na Apple TV estarão disponíveis, nos Estados Unidos, a partir do final de dezembro.
iPhone com tempo de antena

Sim, apesar de ter saído o mês passado, o novo iPhone 7 esteve presente no evento desta quinta-feira. Tim Cook aproveitou o início da Keynote para dar destaque à câmara do mais recente modelo do smartphone da marca, mostrando também alguns dados positivos referentes à receção que o dispositivo teve perante os utilizadores.

O modo Retrato esteve em destaque nestes minutos da apresentação onde Tim Cook mostrou algumas fotografias tiradas pelos utilizadores para destacar o efeito desfocado nos objetos de fundo que o iPhone 7 Plus consegue provocar nas fotografias.

Os AirPods apresentados no evento de setembro da Apple iriam ser disponibilizados este mês mas houve uma alteração devido ao elevado número de encomendas que superaram o que esperado pela marca. Segundo declarações prestadas ao TechCrunch “Não acreditamos em vender um produto antes de estar pronto e precisamos de um pouco mais de tempo antes de os AirPods estarem disponíveis para os nossos consumidores” (Observador)

por Miguel Videira Rodrigues

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA