BP Angola vence Iª Edição do Prémio Excellens Civitas

(DR)

A BP Angola venceu quinta-feira (20), em Luanda, o galardão de Melhor Empresa Nacional e o prémio inerente ao sector da energia, tendo convencido o corpo de jurado quanto as suas responsabilidades corporativa e sustentabilidade nas componentes económica, social e ambiental.

Para os jurados, a empresa vencedora encontra-se devidamente alinhada aos requisitos exigidos no que toca à responsabilidade corporativa, a governativa e a gestão de risco, com realce a saúde laboral e apoio às comunidades, bem como o pilar ambiental, que realça as políticas e práticas de gestão e desempenho ambiental.

O evento, promovido pela Fundação Eduardo dos Santos (FESA), em parceria com a Price water house Coopers (PwC), distinguiu ainda as empresas ODEBRECHT e o Grupo RAMOS FERREIRA para o sector engenharia e construção, BANCO KEVE, no sector bancário, UNICARGAS, no sector de transporte e logística, assim como a CATOCA, na categoria compromisso.

Foram também atribuídas menções honrosas as empresas ENSA, no sector do seguro, SISTEC, no sector de tecnologia, informação e comunicação, BICELANG/projecto BEEP para categoria de iniciativa social e ANGOLA CABLES, por iniciativa ambiental.

A iniciativa da FESA e da PWC pretende reconhecer as empresas Angolanas mais bem-sucedidas na aplicação das suas políticas de responsabilidade corporativa ou sustentabilidade nas componentes económica, social e ambiental.

O director-geral da FESA, João de Deus, falou ainda que os critérios de avaliação basearam-se nas metodologias de análise crítica às respostas fornecidas pelas empresas ao questionário desenvolvidos pela FESA e pela PWC. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA