Benguela: Vila de Catumbela devia ser capital da música Rock – Afra Sound Stars

Grupo musical Afra Sound Stars (Foto: Angop)

O guitarrista principal da Banda Afra Sound Stars, Popshow, considerou que a vila da Catumbela, na província de Benguela, poderia vir a ser a capital da música Rock em Angola, pelo facto de proporcionar evento com músicos conceituados da praça africana como a banda M’Vula e Cortina Whiplash.

Falando segunda-feira à Angop, a propósito da terceira edição do festival “Rock no Rio”, promovido neste fim-de-semena pela empresa Cuca Soba Catumbela, enquadrado no quinto aniversário do município, assinalado a cinco do corrente mês, sustentou a sua tese com os níveis qualitativo e quantitativo em termos de participação de músicos estrangeiros.

O artista destacou a participação dos músicos estrangeiro da África do Sul e da República da Guiné Bissau, o que para ele representou a expansão e divulgação da cultura angolana, tendo apontado a forma como os angolanos exprimiram os seus sentimentos com realce para o músico Jeff Brown e Paulo Flores.

Destacou, por outro lado, os pratos típicos saboreados durante os dois dias do festival Rock no Rio, pelos estrangeiros, uma outra forma de promover a cultura através da gastronomia.

“Actuei em muitos palcos, como no Brasil, Portugal, Espanha, Estados Unidos da América, entre outros, e não notei diferença com os palcos de outros países que venho a pisar desde as décadas dos anos 70, mas este é um dos melhores palcos com milhares de espectadores interactivos” disse.

A banda Afra Sound Stars foi fundada em 1976 a 1977 e é integrada pelos artistas, Xerife, Hangha, Cato e o baterista Tubarão.

O festival “Rock no Rio”, que se realiza em saudação ao cinco de Outubro (Dia do Município da Catumbela), tornou-se uma actividade internacional e teve a sua primeira edição em 2013.

O evento foi animado por um elenco artístico composto por: Irina de Vasconcelos, Jack N’kanga, Jeff Brown, Still Rolli With The Time, Hélder Mendes,Zé Beato, os Dezempregados, Prince Wadada, Minimus, Projecto Indigo , Botto Trindade.

De igual modo, pelos grupos Cortina Whiplash ,Banda V’ula, Pop Show Band, Sentido Proibido, Beside, Before Crush, Dor Fantasma, Horder of Silence, Black Soul, Hi-Flou e Fenix Project, Hirina Vasconcelos e M’ula, Arte Snakes, Black Soul, Hélder Mendes. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA