Acordo UE/ Cabo Verde de 55 milhões de Euros

Cidade da Praia (Liliana Henriques / RFI)

Ulisses Correia e Silva, primeiro-ministro de Cabo Verde assinou ontem em Bruxelas um acordo com a Comissão Europeia no valor de 55 milhões de Euros para apoiar o orçamento cabo-verdiano no âmbito do 11º Fundo Europeu para o Desenvolvimento, este envelope visando nomeadamente combater a pobreza e estimular o crescimento económico no horizonte 2020 em Cabo Verde.

Segundo referiu o Comissário Europeu da Cooperação Internacional e Desenvolvimento, Neven Mimica, um dos signatários do documento, “A UE continuará a apoiar o Governo de Cabo Verde com vista a fazer face aos desafios, a fim de reduzir a pobreza, tornar a sua economia mais competitiva e reforçar as suas relações com a União Europeia”, a assinatura deste novo acordo de financiamento ilustrando a seu ver “o empenho continuado da UE” relativamente a Cabo Verde.

Por seu turno, em entrevista à televisão cabo-verdiana, o primeiro-ministro, Ulisses Correia e Silva considerou que o apoio orçamental é importante para o país e que vai ajudar “o esforço de reformas e de desenvolvimento que está em curso”, o chefe do governo de Cabo Verde tendo garantido ainda que a União Europeia assumiu outros compromissos junto do seu país. (Rfi)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA