Serviço de Protecção Civil lança alerta “amarelo” devido a progressão de ravinas

Cuando Cubango: Estado crítico da ravina que corta circulação entre Bié/Menongue (Foto: Angop)

O Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiros (SNPCB) lançou nos últimos dias um alerta ” amarelo” nacional, devido as ravinas que progridem em diversas regiões do país.

O porta-voz do SNPCB, Faustino Sebastião, disse o alerta “ amarelo” serve de prevenção e as regiões mais afectadas são as do Leste, Centro, Sul e algumas províncias do Norte.

Segundo o responsável, nos últimos anos, a progressão das ravinas ameaçam destruir algumas residências, cortam as vias de comunicação rodoviária, bem como perigam outros objectivos económicos e sociais do país.

Apesar das campanhas de prevenção junto das populações, Faustino Sebastião defende uma intervenção célere das autoridades competentes, no sentido de estancar, de uma vez por todas, as ravinas, devolvendo assim a tranquilidade aos moradores.

Explicou que, do ponto de vista de intervenção técnica de engenharia, a contenção de ravinas é bastante onerosa, principalmente nas actuais condições do país, devido a crise económica e financeira imposta pela redução do preço do barril do petróleo no mercado mundial.

Ainda assim, disse que os governos provinciais têm estado a fazer algumas intervenções para conter a progressão das ravinas, sobretudo as que ameaçam infra-estruturas sociais e económicas. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA