Mais de mil e 300 ex-militantes da UNITA abandonam fileiras

Huíla: Mpla recebe novos militantes (Foto: Morais Silva)

Um grupo de mil e 344 antigos militantes da Unita, residentes na comuna de Galangue, no município do Cuvango, a 356 quilómetros da cidade do Lubango, província da Huíla, abandonaram no sábado as fileiras daquela formação partidária e decidiram ingressar no MPLA.

Durante um acto orientado pelo primeiro secretário Provincial do MPLA, João Marcelino Tyipinge, foi lida uma mensagem dos dissidentes onde afirmaram terem abandonado aquele partido da oposição por estarem “cansados de mentiras e programas inviáveis”.

Por isso confirmaram que a decisão foi tomada de forma individual e juraram fidelidade do partido que os acolhe, bem como prometeram cumprir os estatutos e os princípios que orientam a sua acção política e social para a consolidação da paz e da democracia.

Fundamentaram ainda que MPLA tem um programa de governação transparente e promove o diálogo entre dirigentes e militantes.

Na ocasião, o primeiro secretário provincial do MPLA, Marcelino Tyipinge, desejou boas vindas aos novos militantes no seio da “grande família do MPLA”, apelando o respeito pelas diferenças política partidária para a promoção da democracia e preservação da paz.

“Hoje estou muito feliz por receber mais uma vez no Cuvango novos militantes para as fileiras do nosso partido, quando faltam pouco para a realização das eleições de 2017”, disse.

O Cuvango tem uma população de 75 mil habitantes. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA