Lunda Sul: Governadora apela vigilância no registo eleitoral

Logotipo do Registo Eleitoral (Foto: Francisco Miúdo)

A governadora da província da Lunda Sul, Cândida Narciso, apelou quinta-feira, em Saurimo, à população da aldeia de Chivundo, comuna do Chiluange (fronteira com a RDC), no sentido de estarem vigilantes com os estrangeiros ilegais que tencionam efectuar o registo eleitoral.

A dirigente fez este apelo no termo da sua visita de dois dias ao município de Muconda, tendo explicado que o registo eleitoral é um dever cívico exclusivo para os angolanos, daí a necessidade da população manter vigilância com os estrangeiros que tencionam cadastrar-se.

Acrescentou que, uma vez que a aldeia faz fronteira com a Republica Democrática do Congo, a população tem a responsabilidade de fiscalizadora, denunciando aqueles que facilitam a entrada, bem como dos que estão ilegais no território angolano.

‘’Não devemos facilitar a entrada de estrangeiros ilegais, atendendo o processo de actualização dos cartões eleitorais que decorre, muitos querem ser oportunistas em também fazer parte dele, recebendo cartões de partidos políticos, o que não deve ser permitido, daí a necessidade de estarem cada vez mais vigilantes neste aspecto’’ disse.

Cândida Narciso reprovou a atitude daqueles que tendem desencorajar as pessoas que estão em idade eleitoral a efectuar o registo, uma vez que é um dever cívico de todo cidadão participar nesta grande tarefa.

Apelou à população no sentido de aderir em massa ao processo de actualização do registo eleitoral, por forma a habilitar-se ao exercício do voto nas eleições de 2017.

Explicou que os cidadãos que não dispõem de Bilhete de Identidade podem efectuar o registo eleitoral, desde que as autoridades tradicionais e eclesiásticas testemunhem que é verdadeiramente angolano.

A aldeia do Chivundo faz fronteira com a Republica Democrático do Congo através do rio Cassai.

Muconda, com uma extensão de 27 mil 926 quilómetros quadrados, faz fronteira a norte e nordeste com os municípios de Saurimo (Lunda Sul), Catximo e Luia (Lunda Norte), a sul com o município do Dala e ao leste com o Luau (Moxico) e a RDCongo.

O município é composto por quatro comunas: Muconda, Muriege, Chiluange e Cassai-Sul, com 35 mil e 252 habitantes (segundo os dados do Censo Populacional 2014, realizado em Maio), maioritariamente camponeses. (Angop)

DEIXE UMA RESPOSTA