Israel: Estado de saúde de Shimon Peres agravou-se

(Euronews)

O estado de saúde de Shimon Peres agravou-se. O antigo primeiro-ministro israelita está actualmente a respirar com a ajuda de um ventilador e foi sedado.

Está a ser seguido no Centro Médico Shiba, do hospital de Tel Hashomer, em Ramat Gan, perto de Telavive, onde foi hospitalizado esta terça-feira, na sequência de um acidente vascular cerebral (AVC).

Inicialmente, a informação, do seu gabinete, era de que o obreiro dos Acordos de Oslo estava “consciente e em situação estável”.

“Ele vai ser submetido a uma Tomografia Axial Computorizada (TAC) para se fazer uma avaliação completa e actualizada da sua situação”, acrescentou o seu gabinete.

Peres teve, em Janeiro, dois problemas cardíacos em dez dias e foi hospitalizado das duas vezes. No início deste mês, foi-lhe colocado um “pacemaker”.

Shimon Peres foi presidente de Israel entre 2007 e 2014, ocupou duas vezes o cargo de primeiro-ministro e, outras duas, o de primeiro-ministro interino, para além de ter sido 12 vezes ministro.

Em 1994 recebeu o Prémio Nobel da Paz em conjunto com o primeiro-ministro israelita Isaac Rabin (falecido em 1995) e o presidente palestiniano Yaser Arafat (falecido em 2004) pelos Acordos de Paz de Oslo que celebram exactamente hoje 23 anos.

Aos 93 anos, Shimon Peres, que dedicou seis décadas à política ativa, é o último político vivo da geração dos pais fundadores de Israel. (Euronews)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA