Instituto Geológico de Angola assina Memorando com congénere chinesa

IGEO e chinesa CGS rubricam Memorando (Foto: Rosário dos Santos)

O Instituto Geológico de Angola (IGEO) e a congénere chinesa, China Geogical Survey (CGS), assinaram hoje (segunda-feira) um Memorando de Entendimento para futuras actividades de investigação científica no ramo mineiro.

O referido Memorando foi assinado pelo director do Instituto Geológico de Angola, Mankenda Ambroise e pelo vice-presidente da China Geological Survey, Li Jinfa.

Na ocasião, o secretário de Estado para Minas, Miguel de Almeida, em representação do ministro da Geologia e Minas, Francisco Queiroz, referiu que a cooperação com a República da China tem conhecido um desenvolvimento considerável no domínio das geo-ciências.

Este desenvolvimento, sublinhou, tem sido demonstrado com o envolvimento directo das empresas chinesas no Plano Nacional de Geologia (Planageo).

Relativamente à assinatura do Memorando, salientou que o acto representa mais uma contribuição para o fortalecimento da cooperação, bem como a elevação de projectos actuais em execução, identificando novos projectos de interesse comum nos domínios da investigação geológico-mineira.

A China Geogical Survey tem como missão, a actualização de dados geológicos e de recursos minérios, inovação das ciências geológicas, bem como o intercâmbio e cooperação com congéneres de outros países.

O Instituto Geológico de Angola (IGEO), afecto ao Ministério da Geologia e Minas tem levado a cabo os levantamentos de dados geofísicos, geológicos, geotécnicos e hidrogeológicos no âmbito do Planageo, transformando o país num pólo de atracção para investidores de topo mundial. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA