Huambo: Recomendada criação de estatuto para os supervisores pedagógicos

Huambo: Professores em formação (Foto: EDILSON DOMINGOS)

A criação de um estatuto específico para os supervisores pedagógicos, tendo em atenção a melhoria do processo docente-educativo, constitui a principal recomendação do seminário de formação de supervisão escolar, encerrado nesta sexta-feira, na província do Huambo.

No comunicado final do evento, distribuído à Angop, os 81 participantes recomendaram, igualmente, que a direcção da Educação, Ciência e Tecnologia desta província nomeie os supervisores na categoria específica e, ao mesmo tempo, crie condições de trabalho para um melhor desempenho.

Os mesmos ainda solicitaram a instalação de meios tecnológicos e a disponibilização de meios de transporte, para que o seu trabalho nas instituições de ensino possa ter um impacto positivo no que a melhoria do ensino e aprendizagem dizem respeito.

A formação de supervisão escolar decorreu nos meses de Fevereiro, Maio e Agosto, sob o lema “Precisamos de marcar passos seguros, sem perda de tempo, utilizando os recursos disponíveis sem desprender muitas energias”.

Serviu para criar capacidades técnicas aos três números de apoio docente-educativo e fornecer instrumentos de apoio às actividades de supervisão, de forma a compreenderem a mudança do educador-supervisor na perspectiva do desenvolvimento de competências para o acompanhamento do processo de inovação escolar.

Os participantes debateram, entre outros, assuntos relacionados com o conceito de supervisão pedagógica, a dimensão construtiva da supervisão, finalidade, projecto educativo de escola, aceleração escolar, método sim eu posso, tipos e metodologias da supervisão, técnica e prática de escrita de expressão oral em língua portuguesa, tratamento de dados estatísticos e controlo da qualidade educativa. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA