Membros do Comité Central do MPLA visitam Memorial Agostinho Neto

Membros do Comité Central do MPLA no memorial Agostinho Neto (Foto: Francisco Miudo)

Uma delegação do Comité Central (CC) do MPLA visitou nesta terça-feira o Memorial Agostinho Neto, no quadro da realização do VII Congresso Ordinário do partido no poder, que se realiza de 17 a 20 deste mês, em Luanda.

A delegação foi chefiada pelo vice-presidente do partido, Roberto de Almeida, que depositou uma coroa de flores no sarcófago, erguido em homenagem ao primeiro Presidente da República, António Agostinho Neto.

O gesto foi seguido pelos outros membros da comitiva.

A seguir, os visitantes percorreram as diversas áreas do memorial, como galeria, museu, exposição de 90 anos de Fidel de Castro e outras.

Em declarações à imprensa, no final da visita, Roberto de Almeida explicou que a mesma visou dar a conhecer a vida e obra de Agostinho Neto.

Quanto ao VII Congresso Ordinário, informou que começa com a eleição das comissões de trabalho dos coordenadores e toda actividade preparatória.

Adiantou que o presidente do partido, José Eduardo dos Santos, vai apresentar, no seu discurso de abertura, uma moção de estratégia.

Dessa moção, explicou, constam todos os passos previstos para manter o progresso do país.

Questionado sobre a crise financeira e económica, disse que é um fenómeno que afecta todas as classes sociais e está a registar-se também fora de Angola.

Disse estarem em curso trabalhos para mitigar os efeitos da crise e isso tem servido para não desanimar os militantes.

Já o secretário-geral do MPLA, Julião Mateus Paulo “Dino Matross”, disse que pretenderam com a visita mostrar o percurso histórico do líder e o fundador da Nação, António Agostinho Neto.

O Memorial António Agostinho Neto foi construído para perpetuar a memória do primeiro Presidente de Angola, como líder da luta de libertação, estadista, homem de cultura e humanista.

Tem ainda a finalidade de preservar e investigar a sua vida e obra, promover o conhecimento e a formação artística.

O memorial comporta o sarcófago, salas de formação artística e de leitura, além de biblioteca e museu. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA