Huambo: Formação de advogados estagiários arranca brevemente

Huambo: Ângelo Funete - Presidente do Conselho Provincial da OAA (Foto: Edilson Domingos)

Os advogados estagiários da província do Huambo começam a ser formados brevemente, nesta região, com a abertura do centro de estudos e formação, anunciou hoje, o presidente do conselho local da ordem dos advogados, Ângelo Anselmo Funete.

Disse que a iniciativa surge da necessidade de dotar os causídicos de conhecimentos que os permitam exercer melhor a sua actividade, uma vez que o modelo actual de capacitação dos estagiários não satisfaz às exigências.

Informou que a formação, com duração de 45 dias, é obrigatória para os advogados estagiários, todavia não condiciona a outorga de cédulas definitivas aos mesmos.

Ângelo Anselmo Funete deu a conhecer, também, que as matérias a serem leccionadas na formação foram aprovadas pelo conselho nacional da Ordem dos Advogados, sendo o Direito Mineiro, a Arbitragem, a Prática Processual, a Prática Civil, a Ética e Deontologia Profissional e a Prática Multidisciplinar Jurídica.

Destas disciplinas, não serão ministradas, no centro de estudos e formação de advogados da província do Huambo, o Direito Mineiro e a Arbitragem, por falta de professores.

Ainda assim, Ângelo Anselmo Funete apelou os advogados que já exercem a profissão e demais cidadãos interessados em frequentar o curso a inscreverem-se.

Formações idênticas já decorrem nas províncias de Luanda e Benguela, com a mesma finalidade. O conselho da ordem dos advogados controla, nesta província, 59 advogados com cédulas profissionais definitivas e 83 estagiários. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA