França: Córsega proíbe o ‘burkini’

(RFI)

Depois da Riviera francesa, a Córsega também proíbe o ‘burkini’. A decisão foi tomada após violentos incidentes entre jovens e famílias de origem magrebina.

O presidente da câmara de Sisco, uma localidade da Córsega, proibiu a utilização de ‘burkini’ nas praias do seu concelho, à semelhança de outros dois municípios do sul de França. A decisão do autarca da ilha mediterrânica francesa surge após violentos incidentes entre jovens e famílias de origem magrebina.

Segundo a agência de notícias AFP, o conflito surgiu quando, na praia, turistas fotografaram mulheres no mar vestidas com um fato de banho que cobre todo o corpo.

A violência em Bastia provocou cinco feridos. As autoridades já providenciaram o reforço policial no local.

No sul de França continental, já dois presidentes de câmara, Cannes e Villeneuve-Loubet, tinham proibido o uso de burkinis nas praias, nas últimas semanas.

A interdição levantou a polémica entre os que defendem a liberdade de expressão e os que defendem a opção laica no espaço público. (RFI)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA