FAO considera satisfatório projecto Escola agro-pecuária

Mamadou Diallo, Representante da FAO, em Angola (Foto: Arquivo Angola)

O projecto denominado “Escola de campo agro-pecuária” em execução desde Abril deste ano, na província do Cunene, sob iniciativa da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) em Angola, foi considerado satisfatório pois constitui um meio válido de instrução e educação da comunidade rural.

Os ganhos já estão a vista, pois à população nas comunidades rurais estão cada vez mais orientadas sobre a prática da agricultura e pecuária, disse domingo, em Ondjiva, o representante da FAO em Angola, Mamadou Diallo.

Referiu que este avanço foi constatado nos municípios do Cuanhama, Ombadja e Cahama, onde estão a ser implementado o projecto.

Reiterou o apoio contínuo da FAO aos camponeses e pequenos agricultores na província do Cunene e neste projecto onde estão abrangidos duas mil famílias camponesas que beneficiam de formação e de instrumento de trabalho.

O projecto da escola de campo agro-pecuária dirigido especialmente para as famílias das zonas rurais é financiado pela FAO e conta com a parceria do governo local. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA