Falso alarme levou à evacuação do aeroporto de Los Angeles

Pessoas foram retiradas do aeroporto de Los Angeles, nos Estados Unidos (Twitter)

O aeroporto de Los Angeles foi parcialmente encerrado, no domingo, após informações de um possível tiroteio. A circulação no aeroporto já foi retomada.

O aeroporto Internacional de Los Angeles, nos Estados Unidos da América, foi parcialmente evacuado na noite de domingo, mas a polícia já veio confirmar que foi falso alarme e que não houve nenhum tiroteio nos terminais 4, 7 e 8 .

O falso aviso de que havia um atirador no aeroporto foi dado por volta das 20h45 (4h45 em Lisboa). A polícia do aeroporto fechou o terminal central, bem como os terminais 4, 7 e 8 e impediu novos passageiros de entrarem em qualquer um dos terminais.

A operação durou até por volta das 22h20 (6h20 em Lisboa). A partir dessa hora os passageiros que haviam fugido puderam voltar para recolher as suas bagagens.

Segundo um polícia do aeroporto de Los Angeles, em entrevista ao New York Times, o falso alarme foi disparado quando alguns passageiros ouviram “barulhos com um volume mais alto do que o comum”.

As estradas que levam ao aeroporto já começaram a abrir e os voos já voltaram a poder aterrar e levantar voo.

Publicações de alguns passageiros que estavam no local quando foi dado o alarme:

Lester Holt, um apresentador de noticiários da NBC estava no aeroporto quando tudo se deu. Informa no primeiro tweet que conseguiu fugir do aeroporto de táxi e depois explica que os passageiros começavam a voltar para ir buscar os seus pertences. (Observador)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA