Cuando Cubango: Apelada preservação de bens públicos

Carme Chamba - Administradora adjunta de Menongue (Foto: Armando Morais)

A administradora municipal de Menongue para área de infraestruturas, Carme Chamba, apelou terça-feira os munícipes no sentido de preservarem os bens públicos, evitando as práticas de vandalismo que têm sido registados.

Carme Chamba, que falava à imprensa no final da visita de constatação do projecto paisagístico em curso, consubstanciado na plantação de árvores, efectuado pelo vice-governador para o sector Economico e produtivo Ernesto Kiteculo, disse que é dever de todo cidadão preservar os bens públicos.

Para administradora, “todo cidadão deve sempre pautar pelo civismo, uma vez ser sabido que o lugar do lixo é no contentor.

Fez saber que, para superar tais actos, a administração municipal de Menongue, junto do governo e da Polícia Nacional, têm implementado várias políticas para manter a imagem da cidade e a preservação dos bens públicos.

Neste sentido solicitou aos órgãos de comunicação social local, as igrejas e as autoridades tradicionais no sentido de informarem a população sobre a necessidade da participação contínua nas campanhas de limpeza nos arredores das suas localidades.

A responsável recordou que só desta forma que os munícipes terão a cidade de Menongue, capital do Cuando Cubango, com outra visão, em termos da sua imagem, e, ao mesmo tempo, evitar várias doenças provocadas pelo lixo.

Disse que o embelezamento da cidade de Menongue, que parte na pintura em curso dos lancis, plantação de nova relva, árvores nos seus arredores, bem como a implementação de drenagem, onde tal sistema não funciona, deve-se também às festividades da cidade de Menongue. (Angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA