Cabo Verde: Brava regista sismos e teme erupção vulcânica

Paços do Concelho da Brava (RFI/Odair Santos)

A terra tremeu esta madrugada na ilha cabo-verdiana da Brava. A ilha e o país preparam-se para a eventualidade de uma erupção vulcânica e o governo já criou um gabinete de crise.

A Brava, a menor e a mais meridional das ilhas cabo-verdianas, tem desde ontem à noite registado uma “actividade sísmica anormal” prevendo-se inclusive a eventualidade de uma erupção vulcânica, adiantava hoje o vereador do Urbanismo e Protecção Civil da Câmara Municipal da Brava, Francisco Tavares.

Já foi de resto evacuada a localidade de Cova Joana sendo que outras localidades próximas poderão também vir a ser evacuadas. A ordem de evacuação dos cerca de 300 habitantes de Cova Joana foi dada pela Protecção Civil para evitar eventuais perdas humanas.

Uma equipa do conselho municipal e da Polícia Nacional esteve a gerir o processo incentivando a população a cooperar. As 300 pessoas evacuadas encontram-se alojadas em escolas em outras localidades mais seguras.

O governo cabo-verdiano já criou hoje um gabinete de crise admitindo como “provável” uma erupção vulcânica “nas próximas horas”. Quem o afirma é o ministro da Administração Interna, Paulo Rocha, à saída de uma reunião que contou com os ministros da Defesa, da Saúde, das Infraestruturas e da Agricultura e Ambiente, e o presidente do Serviço Nacional de Protecção Civil, Arlindo Lima. Reunião com os elementos que formarão o gabinete de crise.

O ministro Paulo Rocha recomendou calma à população e pediu a sua colaboração com as autoridades locais.
Ministro da Administração Interna – Paulo Rocha 02/08/2016
ouvir

A ilha da Brava é vizinha da ilha do Fogo, onde se registou uma erupção vulcânica de Setembro de 2014 até Fevereiro de 2015 que causou muitos estragos mas sem registo de vítimas. (RFI)

DEIXE UMA RESPOSTA