Bié: Governador quer mais crianças no sistema de ensino

Álvaro de Boavida Neto - Governador da província do Bié (Foto: Bartolomeu do Nascimento)

O governador da província do Bié, Álvaro Boavida Neto, defendeu, nesta sexta-feira, na cidade do Cuito, a necessidade do governo local continuar a trabalhar com mais empenho no sentido se inserir mais crianças no sistema de ensino e aprendizagem, no ano lectivo de 2017.

Em declarações à Angop, Boavida Neto, disse que essa medida visa reduzir o número crianças que não estudam por insuficiência de escolas e de professores.

Para se ultrapassar tal situação, o responsável anunciou a construção de mais infra-estruturas escolares na província, assim como se apostar mais na formação dos técnicos do sector da Educação.

Apelou às autoridades locais a reflectirem mais em torno do sector da Educação e do processo de ensino e aprendizagem, na gestão e organização escolar, para se melhorar a qualidade educacional na região.

Pediu à população para preservar melhor o património escolar, por ser um dos factores fundamentais no processo do ensino e aprendizagem, bem como no resgate dos valores morais, cívicos e culturais de um povo.

Disse ser necessário combater com rigorosidade o fenómeno “mata aulas” e aconselhou aos estudantes a evitarem essas práticas, por prejudicarem o seu desenvolvimento académico.

O sector da Educação na província do Bié controla 13.529 professores, que ministram aulas em 578.733 alunos, que estudam em mil 474 escolas. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA