Zaire: Ministra inteira-se dos limites da zona histórica e tampão de Mbanza Congo

Cuanza Norte: Ministra da Cultura, Carolina Cerqueira (Foto: Estevão Manuel)

Os limites da zona histórica e tampão de Mbanza Congo, antiga capital do Reino do Kongo, vão merecer nesta quarta-feira a atenção especial da ministra da Cultura, Carolina Cerqueira, no âmbito de visita de 48 horas à província do Zaire.

Nesta visita, a ser guiada pela coordenadora científica do projecto “Mbanza Congo, Cidade a Desenterrar para Preservar”, Sónia Domingos, a ministra deverá receber informações sobre o manancial histórico cultural da Sé Catedral (Kulumbimbi), Igreja Católica e Mpidi a Tadi.

Depois da visita, Carolina Cerqueira assistirá a uma sessão de julgamento tradicional a decorrer numa das salas do Museu dos Reis do Congo, assim como manterá um encontro de auscultação com os artistas locais.

O projecto de inscrição da cidade de Mbanza Congo na lista do património mundial, denominado “Mbanza Congo, Cidade a Desenterrar para Preservar”, foi lançado em 2007 pelo Ministério da Cultura, com a realização de uma mesa redonda internacional, nesta cidade, que abordou a mesma temática. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA