Uíge: Município de Kimbele necessita de mais de 800 professores

Professores (Foto: Angop)

O município de Kimbele, província do Uíge, necessita de 810 professores para a cobertura da rede escolar nos três níveis do sector de educação e ensino primário, I e II ciclos de ensino secundário.

O administrador do Kimbele, Manuel João, que prestou a informação hoje à Angop, adiantou que o enquadramento de novos quadros na educação visa dar dar uma resposta significativa neste domínio.

Esclareceu que a pretensão é enquadrar 262 docentes para ensino primário, 294 para o I ciclo e outros 254 para o II ciclo de ensino secundário.

O administrador estimou em 43.708 o número de alunos matriculados no presente ano lectivo na circunscrição, dos quais 32.249 são alunos de ensino primário.

Revelou que além de professores, a circunscrição necessita igualmente de mais 559 novas salas de aula, para incluir os alunos que estudante em condições impróprias, em todos os níveis do sector.

Manuel João afirmou que em termos do corpo docente, Kimbele controla 1.037 professores distribuídos nos três níveis de escolaridade, adiantando que, segundo a estatística, a escola primária funciona com cerca de 846 professores, 105 para o I ciclo e 86 que cobrem o II ciclo de ensino secundário.

O responsável realçou que actualmente o município conta com 123 escolas, nomeadamente 119 primárias, uma do I e outras três do II ciclo, com 718 salas de aula, sendo 87 definitivas e 631 provisórias.

Quanto ao ensino especial, avançou que a educação controla 228 alunos que apresentam diversas características de necessidades especiais, estando sob a tutela de 13 educandos, sendo psicomotores 64, portadores de deficiência visual 32, com aceleração mental 24, atraso mental com nove, sem fala com 24 alunos, auditivas com 62 alunos.

Assegurou que o ensino de adultos conta com um total de mil 409 alunos que estão a frequentar as aulas de alfabetização, onde labutam 366 formandos para o módulo I e 121 que estão nos módulos dois e três. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA