Segundo homem envolvido em ataque contra Igreja na França é identificado

Abdel Malik Petitjean, em data não divulgada (AFP)

O segundo homem envolvido no assassinato de um padre em uma igreja da França na terça-feira foi formalmente identificado como Abdel Malik Petitjean, de 19 anos, anunciou a procuradoria nesta quinta-feira.

Segundo uma fonte próxima à investigação, estava fichado pelos serviços de inteligência por radicalização desde 29 de Junho.

Três pessoas de sua família foram detidas e colocadas em prisão preventiva, indicou a fonte.

Estas detenções, que começaram na quarta-feira, “permitirão obter elementos sobre o perfil do assassino. Até o momento, nenhum elemento indica que estas pessoas estejam envolvidas no assassinato”, disse esta fonte.

Abdel Malik Petitjean nunca havia sido condenado pela justiça, razão pela qual suas impressões digitais e seu DNA não constavam nos registos da justiça.

No entanto, os serviços antiterroristas franceses o ficharam desde 29 de Junho por ter tentado viajar à Síria, segundo uma fonte da investigação. (AFP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA