Nova casa de cultura multifuncional abre hoje em Luanda

Kelly Silva dá as boas-vindas à casa de cultura multifuncional Bar Bar (ANGOP)

Em jeito de teste da capacidade pré-estabelecida e da sua multi-funcionalidade, a casa de cultura “BAR BAR” abre hoje, sexta-feira, as portas, com um programa de actividades bastante diversificado e integral em termos de atractivos.

De acordo com a agenda desta data inaugural, o espaço estará disponível aos convidados a partir das 20h00 e contará com a actuação do músico angolano Kelly Silva, com desfiles de moda, com uma visita guiada aos vários compartimentos que o compõem, entre outros momentos.

Além da música e a moda, o BAR BAR, localizado em Luanda, está igualmente preparado para exibições de peças teatrais e de dança, exposição de obras de arte, lançamento de livros, realização de conferências de imprensa, reuniões e festas.

O mesmo estará aberto de segunda a domingo, com temas diferentes a cada dia, estando as segundas-feiras reservadas à animação musical com diferentes disco jockeys, de acordo com o seu administrador, Miguel Lopes, em entrevista à Angop.

Às terças-feiras, o jazz e o fado serão os géneros predominantes; às quartas (música africana e brasileira), às quintas (salsa e ritmos latinos), às sextas-feiras (música ao vivo com Kelly Silva e amigos), aos sábados (sons dos anos 80 e rock ao vivo) e aos domingos (karaoke).

“A ideia é levar o público a viajar nos anos passados, em ambiente ameno e clássico, na presença de serviços integrados para descontracção e lazer, tendo em atenção que o empreendimento vem fazer face aos sectores cultural e hoteleiro”, explicou o responsável.

A troca de experiência e de cultura entre pessoas de diferentes facetas e países, facilitar a interacção entre artistas e fãs, assim como descobrir e projectar novos talentos no campo da música, das artes cénicas, da moda, da dança e das artes plásticas, são outros objectivos do recinto.

O espaço tem capacidade para mais de cem pessoas sentadas e, no âmbito da responsabilidade social, vai reciclar resíduos sólidos para diferentes utilidades e providenciar estágios a formandos em hotelaria, à luz de um acordo que firmou com a Escola de Hotelaria e Restauração de Luanda. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA