Moxico: VIH mata nove pessoas no Alto – Zambeze em seis meses

(DR)

Nove pessoas morreram vítimas de VIH/Sida, durante o primeiro semestre deste ano, no município fronteiriço do Alto – Zambeze, informou nesta quinta-feira, o chefe da repartição local da Saúde, Jacinto Sandeze.

Falando à Angop, informou que neste período o Programa de Aceleração de HIV/SIDA testou mil e 527 pessoas que afluíram aos seus serviços, das quais 57 afectadas por esse vírus mortal.

Para prevenir novas infecções, acrescentou, o centro hospitalar promove campanhas de esclarecimento e cuidados sobre a pandemia, durante a qual distribui panfletos e preservativos, especialmente aos jovens, franja da sociedade mais vulnerável.

Ressaltou que as grávidas são obrigadas a efectuar consultas pré-natal e teste voluntário na maternidade local, para saberem do seu estado serológico, com vista a realizarem partos sem sobressalto.

Com seis comunas, o município do Alto Zambeze limita-se com as Republicas do Democrática do Congo e da Zâmbia, mantendo permanentes relações interpessoais entre o povo de ambos países. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA