Jardim do Livro considerado oportunidade para cultivar o hábito pela leitura

Jardim do Livro Infantil (Foto: Diniz Simão)

O Jardim do Livro foi considerado hoje, domingo, em Luanda, com sendo uma grande oportunidade que a sociedade tem para cultivar o hábito pela leitura as crianças.

Esta posição é do encarregada de educação Manuela Jacinto que salientou ser uma oportunidade ímpar para os educadores divertirem-se com os filhos, já que o evento mostra o verdadeiro mundo infantil, tendo em conta que a actividade realiza-se uma vez por ano.

Por sua vez a expositora Edna Cruz, defendeu a necessidade de se produzir mais e bons livros no país, por se tratar de uma ferramenta que contribui para uma formação qualificada e grandiosa para os pequenos.

Observou o acervo literário infantil ainda não satisfaz o mercado devido a escassez de escritores da classe

“Ainda estamos pobres, precisamos melhorar e enriquecer a literatura infantil”, observou.

Para si é uma mais-valia quando as crianças têm o contacto directo com os livros, porque a leitura é sempre um processo que faz parte do desenvolvimento da criança.

Já a expositora Ella Gonçalves disse que o futuro de qualquer país está nas mãos das crianças, sobretudo os que mais se aplicarem nos estudos, e o livro é principais instrumento que facilita o ensino e aprendizagem. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA