França está disposta a dar mais tempo ao Reino-Unido

François Hollande recebeu esta quinta-feira Theresa May no Eliseu, aqui em Paris (REUTERS/Philippe Wojazer)

François Hollande disse esta quinta-feira que está disposto a dar mais tempo ao Reino-Unido para preparar a saída do bloco europeu, contudo reconheceu que quanto mais cedo for feita a negociação melhor será para as partes envolvidas. Theresa May voltou a repetir que a notificação do artigo 50 do tratado de Lisboa não deve ser feita antes do fim do ano.

Para a França o Reino Unido deve accionar o artigo 50 o mais brevemente possível, disse François Hollande.

“Não pode haver uma discussão de pré-negociação, antes da negociação. Mas pode haver a preparação dessa negociação e compreendemos que o vosso governo, que acaba de ser constituído, precisa de tempo, mas eu repito que essa notificação deve ser feita o quanto antes”. François Hollande que lembrou que “há riscos para a estabilidade económica se incerteza se mantiver”.

O Presidente francês disse ainda que se o Reino Unido quiser continuar a ter acesso ao mercado único europeu deve aceitar a livre circulação de pessoas. ” O Reino Unido deve escolher entre o mercado único e a libre circulação de pessoas ou um outro estatuto”. Theresa May voltou a repetir que a notificação do artigo 50 do tratado de Lisboa não deve ser feita antes do fim do ano.

Antes de Paris a primeira-ministra britânica passou ontem por Berlim onde foi recebida pela chanceller alemã. Angela Merkel declarou que “nós compreendemos que que o Reino Unido precisa de tempo, sublinhando contudo que ninguém deseja que um longo período de incertezas. nem o povo britânico, nem os países membros da União Europeia”. (RFI)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA