Cunene: Acidentes causam 17 mortos e 78 feridos no Cunene

Acidentes de Viação (Foto: ANGOP/ARQUIVO)

Dezassete pessoas morreram e outras 78 ficaram feridas, em consequência de 72 acidentes de viação ocorridos no segundo trimestre do ano em curso na província do Cunene.

De acordo com o porta-voz da polícia nacional no Cunene, intendente Piedade Pombal, comparativamente a igual período anterior registou-se a diminuição de 37 acidentes, um morto e 31 feridos.

Os acidentes foram caracterizados por 24 atropelamentos, 22 colisões entre veículos automóveis e motociclos simples, nove colisões entre veículos automóveis, oito despistes, quatro colisões entre motociclos e igual número de choque contra obstáculo fixo e um choque contra animal.

Por área administrativa o município do Cuanhama liderou o índice de acidentes com 40 casos, seguido de Ombadja e Cahama com 11 acidentes cada, Namacunde com nove e Cuvelai com um.

O oficial apontou como presumíveis causas dos acidentes, o desrespeito pela observância das regras do Código de Estrada, com maior incidência ao excesso de velocidade, a fadiga, a sonolência, a condução sob influência do álcool, a falta de precaução dos peões e a condução irresponsável de alguns automobilistas e motociclistas.

No âmbito da regularização rodoviária, informou que a polícia reteve 489 cartas de condução e 113 livretes, e apreendeu 589 motociclos e 21 veículos automóveis de diversas classes, resultantes de mil e 238 infracções diversas. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA