Cuando Cubango: OMA reitera aposta na diversificação da economia

Primeira secretária provincial da OMA, Rosa Cacuhu (Foto: Armando Morais)

As mulheres devem apostar no processo de diversificação da economia, aproveitando as oportunidades a si colocadas, apelou, no fim de semana, na vila do Cuchi, 94 quilómetros da cidade de Menongue, capital da província do Cuando Cubango, a primeira secretária provincial da Organização da Mulher Angolana (OMA), Rosa Cacuhu.

A responsável fez o apelo quando intervinha no acto da abertura, a nível do Cuando Cubango, das actividades alusivas ao 31 de Julho, Dia da Mulher Africana, cuja cerimónia central deverá acontecer em Menongue.

Sublinhou que este é o momento para reforçar a mensagem do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, da necessidade da diversificação da economia, por ser o momento para apostar, cada vez mais, no cultivo da terra para aumentar a produção e reduzir a exportação.

Por outro lado, Rosa Cacuhu condenou ainda todos aqueles pais que não prestam assistência alimentar aos filhos, para quem esse é um comportamento que deve ser abandonado, dado o facto de que a criança precisa da protecção dos seus direitos.

Lembrou que a criança tem direito à educação, assistência alimentar, à saúde, mas que o Estado tem feito a sua parte, através do cumprimento dos 11 compromissos da criança, no sentido de garantir que ela cresça de forma integral.

Encorajou todas as mulheres que têm engajado no combate de todos os actos de violência doméstica, através de denúncias visando a sua redução no seio das famílias e permitir que haja uma convivência harmoniosa. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA