Malanje: UNITA quer reflexão sobre o actual estado do país

(UNITA)

O primeiro secretario provincial da UNITA em Malanje, Mardanês Agostinho Kalunga, pediu neste final de semana, nesta cidade, aos seus militantes, no sentido de reflectirem com profundidade sobre o actual estado que país está a atravessa, devido a crise financeira motivada pela queda do preço do petróleo a nível internacional.

Em declarações à Angop a margem da I reunião ordinária do comité provincial do partido, o político referiu que a situação social da população angolana carece de muita atenção, fruto da crise económica, por isso urge encontrar métodos fiáveis que possam travar os efeitos hoje vivenciados.

Realçou que face a situação, a UNITA e todas as forças políticas têm uma grande missão de trabalhar para se contrapor os efeitos da crise e manter estável o modo de vida dos cidadãos.

O encontro decorreu sob o lema “Para a vitória eleitoral em 2017, todos para a mobilização” e nele foram apresentados e analisados o relatório de balanço do partido e das comissões de trabalho.

Participaram na mesma 147 delegados e os primeiros secretários municipais da UNITA. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA