Huíla: Jacarés matam oito pessoas no Mulondo

Jacarés (Foto: Jorge Monteiro/Portal de Angola)

Oito pessoas foram atacadas mortalmente por jacarés, na comuna do Mulondo, município da Matala, província da Huíla, na margem do rio Cunene, de Janeiro a Maio deste ano.

O facto foi dado a conhecer hoje, segunda-feira, à Angop, pelo administrador comunal do Mulondo, Zeca Mupinga, tendo dito que as autoridades administrativas e tradicionais estão a sensibilizar as populações ribeirinhas para prevenirem-se, dado ao número elevado de ataques.

O governante disse que os jacarés atacam também animais, como o gado e cães que procuram água no rio.

“A ausência de cautela por parte da nossa população tem contribuído para o aumento de casos, pois, nos locais onde os jacarés atacam constantemente pessoas, nós colocamos sinais de chamada de atenção, mas as pessoas não obedecem aos alertas”, ressaltou.

A Comuna do Mulondo tem uma população estimada em 27 mil e 600 habitantes e dista a 125 quilômetros a sul do Lubango, capital da província da Huíla. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA