Huambo: Camponeses encorajados a aumentar produção de alho

(Foto: Angop)

Os camponeses da aldeia de Nazaré, comuna de Catabola, município do Longonjo (Huambo), foram encorajados esta terça-feira, pelo administrador municipal, João Sérgio Raúl, a aumentar a produção de alho, para acabar com a importação do produto.

O administrador expressou o facto, em declarações à imprensa, no final da sua visita de campo à comuna de Catabola, referindo que os camponeses devem apostar no cultivo de produtos importados, para ajudar na diversificação da economia.

“Estou surpreendido com as quantidades e as áreas cultivadas de alho, acredito que com mais organização será possível injectar financiamento para se aumentar a produtividade, para que as famílias camponesas tenham maior rendimento desse produto, porque a comuna de Catabola possui terras férteis para a sua produção”, destacou.

Afirmou que a região possui potencial hídrico que facilita o processo de irrigação por gravidade dos campos agrícolas, um benefício que, aliado à aplicação de adubos químicos ou orgânicos, vai contribuir para o rápido desenvolvimento das variedades de alho roxo e branco, que predominam na região.

Recomendou aos camponeses no sentido de se organizarem em cooperativas, para beneficiarem de apoios do governo e dos seus parceiros, de modo a aumentarem as áreas de cultivo do alho.

Para o efeito, orientou aos camponeses da Catabola a identificar uma área para a construção da sede da associação, tendo prometido aos produtores apoio com fertilizantes e instrumentos de trabalho. (angop)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA