Falta de água em São Tomé e Príncipe prejudica produção de pimenta

Pimenta madura em São Tomé e Príncipe (VOA)

É um dos principais produtos de exportação do país.

A falta de água para a maceração está a por em risco a produção da pimenta em São Tomé e Príncipe.

Desde 2010, a pimenta passou a ser um dos principais produtos de exportação do país.

O presidente da Cooperativa de Exportação de Pimenta e Baunilha (CEPIBA), Francisco Ramos, diz que a conduta que leva a água para o reservatório onde é feito o processo de maceração da pimenta foi destruída por indivíduos desconhecidos.

O processo de maceração é indispensável para retirar a casca da pimenta branca.

Cerca de 250 produtores de pimenta branca estão preocupados e dizem que estão em risco mais de 14 toneladas que devem ser exportadas este ano para a Europa e que os prejuízos vão afectar a vida de centenas de famílias. (VOA)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA