Embaixada Cubana homenageia Destacamento Pedagógico Internacionalista “ Ernesto Che- Guevara”

Conselheiro da embaixada cubana em Angola, Ernesto Pulgarón, em declaração a imprensa. (Foto: Henri Celso)

O Destacamento Pedagógico Internacionalista “Ernesto Che Guevara”, que levou o ensino e a alfabetização às zonas mais recônditas de Angola de 1978 até 1986, foi homenageado hoje, terça-feira, em Luanda, pela Embaixada de Cuba.

O acto foi testemunhado por internacionalistas cubanos, políticos da ilha caribenha, membros do governo angolano e antigos estudantes de Angola em Cuba.

Na ocasião, o conselheiro da Embaixada de Cuba em Angola, Ernesto Pulgarón, destacou o trabalho dos jovens cubanos na formação do homem novo angolano, numa altura em que o país acabava de conquistar a independência nacional.

“ O trabalho daqueles jovens, quase adolescentes, foi uma bela história de amor e solidariedade humana, que encheu de orgulho e admiração não só o povo angolano mas também o cubano”, disse.

Enfatizou que, volvidos mais de 30 anos, alguns daqueles jovens ainda continuam a dar o melhor de si para o engrandecimento de Angola.

Na sua óptica, o objectivo pelo qual foi criado o referido destacamento, para que o ensino chegasse a todos os cantos de Angola, foi cumprido e os frutos são visíveis.

O conselheiro da Embaixada de Cuba afirmou, por outro lado, que Angola já é um país de destaque a nível de África, fruto do desenvolvimento em todos os campos, tendo perspectivado um futuro áureo para a nação africana.

“ O país conta hoje com muitas universidades, hospitais, bem como vai se elevando a qualidade dos seus quadros, que vão sustentar o seu crescimento socioeconómico”, concluiu. (ANGOP)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA