Desafios do sector petrolífero em análise

(Foto: D.R.)

A reestruturação e os actuais desafios do sector petrolífero foram temas de debate da segunda edição da Conferência Internacional de Petróleo e Gás, realizado sexta feira última, em Luanda, numa promoção da Oil & Gas Academy, em parceria como Let´s Talk Angola.

O encontro visou analisar e debater as tendências e os desafios do sector petrolífero angolano face à crise económica e financeira que o país atravessa, derivada da baixa do preço do crude, principal activo da balança comercial angolana.

Afonso Filipe, responsável da área de petróleo e gás da direcção dos serviços aduaneiros, destacou os principais, tendo citado a concessão de isenção na importação de viaturas, “Há tendências que defendem uma revisão desses diplomas e outras que defendem que a lei do regime aduaneiro continua a ser actual ”, disse.

Aquele responsável explicou também que os níveis de importação para o sector petrolífero mantêm-se apesar do actual contexto económico. “Hoje verifica-se que o país importa cada vez menos de um modo geral, mas os níveis de importação no sector petrolífero mantém-se, disse. Continua a haver uma receita aduaneira significativa na importação de equipamentos para atender as necessidades do sector petrolífero”, disse. (opais)

SEM COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA